Cruzeiro

Luxemburgo fala sobre possível acesso do Cruzeiro: ‘Temos que acreditar’

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Na manhã deste sábado (11), o Cruzeiro de Vanderlei Luxemburgo venceu a Ponte Preta por 1 a 0 na Arena do Jacaré. O estádio, localizado em Sete Lagoas-MG, recebeu mais de quatro mil cruzeirenses, que puderam acompanhar de perto a quarta vitória celeste sob o comando do treinador.

– A proposta é que jogássemos com o torcedor, só que é um jogo de manhã, quente demais, até o torcedor sente um pouquinho (risos). Mas a vitória foi fundamental. A segunda divisão não tem um jogo bonito. Ninguém vai conseguir ver um jogo bonito e de boa técnica (na Série B). É um jogo que você vai decidir numa bola, num lance, numa bola parada. E a gente está indo jogo a jogo. Eu entendo que as pessoas cobrem o Cruzeiro da primeira divisão. O Cruzeiro é um clube de primeira divisão, mas tem um detalhe: ele está jogando a segunda divisão. Eu não quero um time técnico, quero um time guerreiro -, destacou Luxa, ao falar da atuação celeste diante da Ponte Preta.

Leia também: “O Cruzeiro vai levar mais de 10 anos para pagar suas dívidas”, afirma ex-diretor Deivid

Luxemburgo fala de pontuação para conquistar o acesso

Ainda falando sobre Série B, Luxemburgo destacou as metas do Cruzeiro dentro da competição:

– Nossa pontuação após minha chegada é muito boa, mas nós temos que recuperar esse prejuízo que ficou para trás para gente fazer um percentual maior. Vamos passo a passo. As pessoas estão um pouco céticas dizendo que o Cruzeiro não tem possibilidade (de acesso), que está fora, mas a gente vai devagarinho, jogo a jogo. Alguns adversários estão com vantagem sobre a gente. Se eles conseguirem atingir a pontuação para subir e a gente não é porque alguma coisa ficou faltando. Mas nós temos que acreditar que nós podemos chegar.

Arena do Jacaré pode ser a nova casa do Cruzeiro?

– Vai ser uma conversa que vou ter com o presidente. Eles liberaram o Mineirão agora para a gente poder jogar lá. E, de repente, aqui (Arena do Jacaré) pode ser a nossa casa ao invés de ser o Mineirão, pode ser nossa casa aqui, porque o 6 a 1 contra o Atlético-MG que o Cruzeiro não caiu foi aqui. Então, de repente, eles vão liberar, e a gente não precisa ir para lá se melhorar o gramado aqui. Uma decisão que tem que existir para as pessoas entenderem que nós não somos idiotas. Então tem que ser uma coisa bem pensada -, diz Luxemburgo.

Leia também: “Essa liberação de torcedores no Mineirão é estratégia”, afirma Luxemburgo

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top