Geral

McGregor parabeniza Poirier e cita chutes na perna como fator para derrota

Conor McGregor UFC 257
Divulgação/Twitter Oficial UFC

No último sábado (23), Conor McGregor sofreu a primeira derrota por nocaute de sua carreira diante de Dustin Poirier na luta principal do UFC 257. Uma derrota que teve o custo para o irlandês de ter uma perna inchada pelos repetidos chutes baixos.

Após a luta, o ‘Notorious’ foi para a coletiva e afirmou que ‘já esperava’ que o americano conectasse os chutes nas pernas como forma de estratégia. Mas não acreditava que tal impacto fosse crucial para que o ‘Diamond’ encaixasse os golpes para o nocaute técnico do segundo round na Etihad Arena

– Eu já esperava que ele viesse com os chutes nas pernas, porque ele treina com Thiago Pitbull (Alves). Ele é especialista neste golpe. Quando ele acertou um desses golpes, o Thiago gritou ‘É esse, foi bom!’. E eu pensei ‘.f.dp., foi bom mesmo’. Mas não irei lamentar a derrota, aceitarei tudo como um homem, dei tudo de mim e irei me reagrupar com certeza. Cada adversário tem um estilo diferente – declarou McGregor.

– É muito triste e difícil de aceitar. O topo é muito alto e o fundo do poço é muito fundo neste esporte. Minha perna estava completamente morta. Mesmo que eu fosse defender os chutes, minha perna estava comprometida e os golpes entravam com vontade. Sinto como se eu estivesse com uma bola de futebol dentro da perna. Dustin fez uma excelente luta e fez tudo o que tinha que fazer – afirmou o irlandês.

McGregor relatou que a experiência com os chutes na perna de Poirier foi algo que ‘nunca sentiu na carreira’, resultando na pressão exercida pelo americano em parte do segundo round, no qual o irlandês acabou nocauteado.

– Eu aguentei enquanto pude. Nunca vivi algo assim antes. Normalmente, eu conseguiria defender os chutes e eu ergueria a perna o máximo que poderia. Mas em algum momento o impacto acertou em alguma parte da perna e comprometeu tudo. Dustin se defendeu de forma sólida, que me impediu de tentar muita coisa. Não tenho o que dizer. Esses chutes na panturrilha não são brincadeira. Nunca senti algo assim na vida. – comentou o ‘Notorious’.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top