Futebol americano

Debaixo de chuva, Josh Allen brilha em vitória dos Bills contra o Kansas City Chiefs

Josh Allen
Bill Wippert/Buffalo Bills

Josh Allen mais uma vez se mostrou porque é um dos principais candidatos ao prêmio de MVP da temporada. No Sunday Night Football, o Buffalo Bills (4-1) conquistou uma vitória maiúscula por 38 a 20 sobre Patrick Mahomes e o Kansas City Chiefs (2-3) na reedição da última final da AFC.

Allen foi o nome do jogo com 315 jardas três passes para touchdown e um rating de 139.1. Ele ainda correu 11 vezes para mais 59 jardas e outra ida a end zone. O tight end Dawson Knox teve três recepções para 117 jardas e um touchdown. O wide receiver Emmanuel Sanders terminou com três recepções para 54 jardas e dois touchdowns.

Na defesa, Tre’Davious White e Andre Smith tiveram um fumble recuperado cada e Micah Hyde teve uma pick six e o calouro Greg Rosseau também teve uma interceptação, um passe defendido e um sack.

Patrick Mahomes teve uma noite bem abaixo do seu normal. Foram 33 de 54 passes tentados para 272 jardas, dois touchdowns e duas interceptações com um rating de 70.9. Travis Kelce e Byron Pringle foram seus alvos na end zone na partida.

Kansas City fez o primeiro drive longo contando com algumas faltas ofensivas, mas mesmo assim Patrick Mahomes avançou o campo até a linha de 17 do campo dos Bills. Porém um false start de Brown recuou o ataque cinco jardas e depois de um passe incompleto para Hill no 3rd down, Harrison Butker entrou para converter um chute tranquilo de 38 jardas que abriu o placar no Aarowhead, 3 a 0.

Josh Allen começou com tudo o Sunday Night e dominou a primeira campanha de Buffalo. Numa 3rd&2 na linha de 33 do próprio campo, ele conseguiu uma bela corrida de 22 jardas para mover as correntes até os 45. Em seguida, Allen soltou o braço para 23 jardas em direção a Knox que fez a recepção na linha de 22. Na linha de 20, Allen em uma jogada desenhada para sua corrida aproveitou os ótimos bloqueios e avançou 11 jardas até a red zone. Na 2°y Goal, o quarterback dos Bills enganou a defesa com um belo read option e correu para o touchdown, 7 a 3.

Os Chiefs quase se complicaram após Pringle soltar a carne ao sofrer um tackle de Neal e a posse ser recuperada por Smith na linha de 34 no campo ofensivo. Para sorte do time da casa, os Bills cometeram duas penalidades em sequência que matou a campanha com 14 jardas negativas forçando Tyler Bass a devolver a bola oval.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E inscreva-se no nosso YouTube!

Kansas City conseguiu a virada depois com mais uma campanha longa com Patrick Mahomes trabalhando muito bem no shotgun explorando múltiplos alvos chegando rapidamente a red zone. Na 2° y Goal, Mahomes conectou um passe curto à direita para Byron Pringle colocar 10 a 7 no placar.

Mas a felicidade dos Chiefs durou apenas 2:15, isso porque Josh Allen soltou um torpedo de 35 jardas com uma bela recepção over the sholder de Emmanuel Sanders na end zone para retomar a ponta no Sunday Night, 14 a 10. Os Bills abriram uma posse de frente após forçar um three and out e Tyler Bass colocou um chute tranquilo de 30 jardas no meio do Y e o marcador foi para 17 a 10.

Patrick Mahomes em tentativa em passe em profundidade em direção a Trevis Kelce antes do two minute warning saiu de campo com um turnover on downs. Josh Allen em sua segunda tentativa de passe no drive seguinte soltou o braço mais uma vez saindo do pocket e acertou um passe de 53 jardas para o touchdown de Dawson Knox completamente livre no segundo nível da defesa, 24 a 10.

Antes do fim do primeiro tempo, os Chiefs descontaram com mais um chute de Harrison Butker “tranquilo” para 54 jardas para deixar o placar 24 a 13.

Quer ficar por dentro de tudo dos esportes americanos? Siga o Podcast Timeout no Spotify!

Mais de uma hora de paralisação por conta de uma tempestade na região do Aaronhead Stadium, a partida retornou para o segundo tempo. As duas defesas voltaram ligadas e forçaram punts nas primeiras campanhas. Josh Allen acertou novo passe em profundidade 41 jardas para Dawson Knox, mas não adiantou muita coisa e devolveram a bola para o time da casa.

Mas na sequência, a defesa dos Bills resolveu a parada com um pick six com Micah Hyde que ficou com a bola após um drop miserável de Tyreek Hill na linha de 26 e retornou até a end zone, 31 a 13.

Leia mais: https://esportenewsmundo.com.br/mason-crosby-se-redime-e-green-bay-packers-vence-cincinnati-bengals-na-prorrogacao/

O que não poderia ficar pior ficou. Patrick Mahomes liderou suas tropas até a red zone de Buffalo com bons trabalhos no shotgun com passes curtos e dinâmicos. Porém, na 1°y Goal em tentativa de passe na direção de Mecole Hardman, o calouro Greg Rosseau com uma bela leitura apareceu muito bem na frente da linha de passe, faz o bloqueio e depois ficou com a bola.

A defesa de Kansas City forçou o three and out e na campanha seguinte Patrick Mahomes achou seu tight end Trevis Kelce na end zone para diminuir o prejuízo no chuvoso Aaronhead para 31 a 20.

A última campanha dos Bills teve emoção além da conta. Josh Allen ainda de sua própria red zone tem um passe em profundidade na direção de Stefon Diggs e foi interceptado por Rashad Fenton, só que a jogada foi anulada por uma falta de Frank Clark por roughling the passer. Com essa chamada um tanto polêmica Allen liderou suas tropas até a red zone de Kansas City. Numa 2°y8, em um lindo read option o quarterback dos Bills acertou um míssil de 8 jardas para Emmanuel Sanders pela segunda vez na partida para praticamente sacramentar a vitória com 5:55 por jogar.

Para fechar a noite trágica de Patrick Mahomes, o quarterback do Kansas City na linha de 15 jardas na end zone dos Bills sofreu um fumble após o snap, a bola molhada ficou pipocando no campo e foi recuperado por Tredavious White. Os visitantes avançaram até a metade do campo para depois do two minute warning ajoelhar três vezes no gramado e sacramentar a grande vitória por 38 a 20. Com o resultado, os Bills engatam a quarta vitória consecutiva e os Chiefs começam a ligar o sinal amarelo para busca a liderança da AFC West, contra a ótima equipe do Los Angeles Chargers.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top