Futebol Internacional

Pochettino avalia mudar esquema tático do PSG para encaixar Sérgio Ramos

FOTO: DIVULGAÇÃO / PSG

Durante a vitória por 2 a 0 sobre o Brest, no último sábado (15), pela 21ª rodada do Campeonato Francês, o técnico Maurício Pochettino fez a sua primeira experiência visando uma mudança defensiva no Paris Saint-Germain. Durante o segundo tempo do jogo, já com a vitória bem encaminhada, o treinador argentino mandou Sérgio Ramos a campo e tirou Di María, passando a jogar assim com três zagueiros. Algo que ele promete avaliar para manter como esquema fixo.

— Utilizar uma defesa com três zagueiros é uma opção que temos pela qualidade dos nossos jogadores, mas não é um processo fácil. Para que possamos atuar com uma linha de três jogadores atrás, teremos que realizar muitos trabalhos. Isso demanda um certo tempo — disse Maurício Pochettino.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

A entrada de Sérgio Ramos contr ao Brest foi aos 26 minutos do segundo tempo e, com isso, o PSG atuou cerca de 20 minutos com a formação tática. No período, o time de Maurício Pochettino foi pouco exigido defensivamente, diante de um adversário que mostrou pouco poder de reação para buscar um resultado melhor atuando no Parc des Princes.

Atualmente o PSG tem mostrado grande solidez defensiva com a dupla de zagueiros formada por Kimpembe e Marquinhos. No entanto, Pochettino sabe que a experiência de Sérgio Ramos pode fazer a diferença para melhorar ainda mais a qualidade do setor. Como os atuais titulares estão fazendo uma grande temporada, a incorporação de Ramos e a mudança do esquema tático começa a ser pensada.

O treinador terá aproximadamente um mês para definir a mudança já pensando no confronto contra o Real Madrid, pela Liga dos Campeões. O jogo de ida das oitavas da competição acontece no próximo dia 15 de fevereiro, em Paris. O bom momento ofensivo do clube espanhol, principalmente diante de um rendimento acima da média de Vinícius Júnior e Benzema é um motivo de preocupação para Pochettino.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top