Atlético-MG

Rodrigo Caetano diz qual é o perfil buscado para novo técnico e fala sobre Edenilson

Rodrigo Caetano falou sobre chegadas no Atlético-MG
Foto: Pedro Souza / Atlético

Rodrigo Caetano deu entrevista na noite desta sexta-feira para o BH Sports e falou sobre o perfil que o Atlético-MG traçou para o novo técnico e também comentou a possibilidade de ir atrás do volante Edenilson.

Sem Jorge Sampaoli, que já foi anunciado como novo técnico do Olympique de Marselha, o Galo já avalia nomes para assumir o cargo deixado pelo argentino.

Caetano disse que a preferência é por técnicos brasileiros, mas sem fechar as portas para profissionais de outros países.

” A gente gostaria de esgotar as possibilidades entre os técnicos brasileiros. Mas sem deixar de lado também a possibilidade de técnicos estrangeiros que hoje é uma realidade dentro do nosso país. Eu acho muito importante quando você está em um clube desse tamanho que a pessoa que vir pra cá tenha o entendimento do que o clube deseja. A ideia é tentar entre os técnicos brasileiros e aqueles que queiram liderar esse projeto dentro do campo. Por que esse projeto é do Galo e isso tem que estar muito claro pra vocês e para o nosso torcedor”

Para a próxima temporada, o Atlético já anunciou as contratações de Hulk, Dodô e Nacho Fernández. No entanto, o clube ainda não fechou as chances de encorpar ainda mais o elenco.

A bola da vez agora para o Galo é o volante Edenilson, um dos destaques na campanha de segundo lugar do Internacional, no Brasileirão.

Caetano comentou sobre a possibilidade de uma negociação e de contar com o jogador no grupo atleticano.

“Ele é um meio-campista moderno. É muito difícil que o Edenílson saia do Inter. Muito pouco provável eu fazer esforço em trazê-lo para cá. É muito difícil que o Inter abra negociação por ele nesse momento, talvez para o exterior”

O Atlético já volta a campo na tarde deste domingo, contra a URT, no Mineirão, pela primeira rodada do Campeonato Mineiro.

Siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top