Vôlei

CBV anuncia participantes da próxima Superliga

A CBV anunciou os times que jogarão a próxima temporada da Superliga Feminina e Masculina.

(Créditos: Gaspar Nóbrega/Inovafoto/CBV)

A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) anunciou na última sexta-feira (24) os times que irão participar da próxima temporada das Superligas Feminina e Masculina. 

Devido a paralisação da temporada 2019/2020, as equipes femininas do Brasília Vôlei (DF), do São Caetano (SP) e do São José dos Pinhais (PR) vão jogar a Série A. O Brasília era o líder da Superliga B até a paralisação e o São José dos Pinhais estava em quarto lugar. Já o São Caetano teria sido rebaixado para a segunda divisão. Além deles, jogarão a Superliga Feminina as equipes do Sesi Vôlei Bauru (SP), do Curitiba Vôlei (PR), do Fluminense (RJ), do Itambé/Minas (MG), do Osasco/Audax/São Cristóvão Saúde (SP), do Pinheiros (SP), do Dentil/Praia Clube (MG), do Sesc RJ Flamengo (RJ) e do São Paulo/Barueri (SP).

Já no masculino, as equipes que se beneficiaram da paralisação foram a Azulim/Gabarito/Uberlândia (MG) e a Vedacit Vôlei Guarulhos (SP) que irão estrear na Superliga A. Também se favoreceram os times que estavam na zona de rebaixamento, o América Vôlei (MG) e o Ponta Grossa Vôlei (PR). E devido ao cancelamento desta temporada, o Sesc RJ Flamengo (RJ) e o Maringá Vôlei (PR) saíram da Série A.

Completam o campeonato masculino o Apan/Eleva/Blumenau (SC), o Minas Tênis Clube (MG), o Vôlei UM Itapetininga (SP), o Caramuru Vôlei (PR), Sada Cruzeiro (MG), o EMS Taubaté Funvic (SP), o Sesi-SP, o Pacaembu Ribeirão (SP) e o Vôlei Renata (SP).

Vale lembrar que as Superligas A e B, femininas e masculinas, da temporada 2019/2020 foram suspensas por causa da pandemia da Covid-19. A CBV decidiu não decretar campeões e as equipes que foram convidadas a jogar a próxima temporada estão com a situação financeira regular.

Siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

8 Comments

As últimas

To Top