Futebol americano

Kyle Long sofre lesão na perna, mas retorna ao Chiefs no início da temporada regular

Foto: Via Imago Images

Kyle Long sofreu uma lesão na perna na manhã desta quinta-feira (10), durante uma sessão de treinamentos. A primeira informação trazida por Tom Pelissero, da NFL Network, foi a de que o guard do Kansas City Chiefs tinha fraturado a rótula. Pouco depois, o repórter esclareceu que os exames detectaram “uma contusão na perna”. Long tem previsão de retorno para a primeira semana da temporada regular, que começa em setembro.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

O guard vai perder boa parte do training camp dos Chiefs para tratar a lesão e fazer recondicionamento físico. De acordo com o head coach da equipe, Andy Reid, há chances de o veterano não precisar passar por uma cirurgia. Ele, no entanto, foi cauteloso com a situação: “vamos ver”, disse aos repórteres da NFL Network.

Durante 3 anos (2016, 2017 e 2018), Kyle Long teve que lidar com uma série de lesões: distensões no quadril, na panturrilha e no tríceps, uma contusão no ombro e problemas no ligamento e no tendão do pé. Esse histórico foi determinante para que, ao final da temporada 2019, Long resolvesse deixar os campos no ano seguinte.

+ Jordan Love diz que está preparado em caso de greve de Aaron Rodgers

Nos últimos 2 anos, Long atuou em apenas 12 partidas pelo Chicago Bears. Após passar 2020 recuperando seu corpo para retornar à NFL, o camisa 75 assinou um contrato de uma temporada com o Kansas City Chiefs. O acordo prevê um salário-base de US$1,5 milhão, com gatilhos que podem elevar o valor para US$5 milhões – aproximadamente, R$25 milhões.

Vice-campeão do último Super Bowl, o Kansas City Chiefs tem programados três jogos, em agosto, pela pré-temporada: contra o San Francisco 49ers, no dia 14; em seguida diante do Arizona Cardinals, no dia 20; e, por último, enfrenta o Minnesota Vikings, no dia 27. A estreia na temporada 2021 da NFL será no dia 12 de setembro, contra o Cleveland Browns, no Arrowhead Stadium.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top