Copa América

Sem vitórias e na busca pela classificação, Venezuela e Equador se enfrentam pelo Grupo A

Foto: Divulgação/Federação Venezuelana

Às 18h deste domingo (20) a bola vai rolar no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, para a terceira rodada do grupo A da Copa América. Venezuela e Equador, marca um confronto de equipes que, ainda, não venceram, mas buscam os três pontos para encaminhar a classificação para as quartas de final da competição. Confira a ficha técnica da partida

No retrospecto, são 28 jogos entre Venezuela e Equador e com certo equilíbrio. O Equador tem 14 vitórias, são 10 vitórias para a Venezuela e quatro empates entre as equipes. Quando o assunto é Copa América, são três jogos, mas o equilíbrio segue, pois o Equador tem uma leve vantagem com duas vitórias e uma vitória da Venezuela. A última vez que as equipes se enfrentaram foi em 2019, numa partida amistosa que ficou no empate por 1 a 1.

Nesta atual Copa América, apenas a Venezuela entre as equipes pontuou. Após estrear com derrota para o Brasil, a Venezuela segurou o 0 a 0 com a Colômbia e somou seu primeiro ponto na competição. Mesmo com bastantes desfalques, a equipe do treinador José Peseiro soube segurar as ações da Colômbia e ficou em uma boa relação ao Equador e Peru, possíveis adversários na busca por uma vaga na próxima fase.

Já o Equador, folgou na segunda rodada e fez apenas um jogo nesta Copa América. A equipe que teve uma ótima largada nas Eliminatórias, com três vitórias em quatro jogos, não conseguiu manter o bom nível. Perdeu mais dois jogos nas Eliminatórias e estreou novamente com derrota nesta competição, após levar 1 a 0 da Colômbia. Uma vitória pode mexer com os ânimos e deixar o Equador perto de uma classificação para a fase final. 

A partida acaba sendo um confronto direto, pois com o favoritismo de Brasil e Colômbia, ficam sobrando duas vagas para disputa entre Peru, Venezuela e Equador. Sendo assim um confronto direto para seguir na competição. 

Para saber tudo sobre a Copa América, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top