Atlético-MG

Presidente do Atlético-MG sobre jogos com torcida: ‘Esperamos que o Flamengo respeite o que foi combinado’

Foto: Pedro Souza / Atlético

A polêmica da semana no futebol brasileiro é sobre a volta do torcedor ao estádios nas competições nacionais. A CBF fechou acordo com 19 clubes, a exceção do Flamengo, para esse retorno ainda não acontecer. O Atlético tem a mesma liminar do rubro-negro, mas fechou com a CBF e espera que o Fla respeite o acordo, que foi realizado anteriormente com todos os clubes e agora sem o Fla.

— O Flamengo conseguiu a liminar para ter jogos, junto ao STJD. Imediatamente, nós também conseguimos. Não faremos uso da liminar se o Flamengo não fizer também. Se o Flamengo jogar, deixei claro na reunião, o Atlético vai usar o mesmo direito – disse Sergio Coelho, presidente do Atlético, ao GE.

+ Apesar do acesso, treinador e coordenadora da equipe feminina são desligados do Atlético-MG

Segundo o presidente alvinegro, o clube quer respeitar o que foi decidido e quer cumprir as obrigações. No entanto, não quer que nenhum clube seja beneficiado, no caso, o Fla com a presença de seu torcedor, se não, fará o mesmo para não ficar pra trás.

A gente espera que o Flamengo não faça uso e respeite o que foi combinado no arbitral – Sérgio Coelho

O Atlético deseja que o torcedor retorne ao estádio o mais rápido possível e segue lutando por isso. Nesta quinta, o presidente se reuniu o prefeito Alexandre Kalil e acordou a volta do torcedor aos estádios. Nessa caso, para o Galo, vale apenas para o jogo de volta da Copa Libertadores, contra o Palmeiras. Nas competições nacionais o alvinegro agora tem um respaldo que é o acordo com a CBF de que, se alguém jogar com público, a rodada será paralisada. Explicamos os movimento do Atlético aqui.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top