Conmebol Libertadores

Estreante e ‘azarão’ do grupo: Conheça o Rentistas, próximo adversário do São Paulo na Libertadores

Rentistas, adversário do São Paulo na Libertadores
Foto: CA Rentistas

Nesta quinta-feira (29), o São Paulo enfrenta o Rentistas (URU), no Morumbi, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores 2021. A equipe uruguaia faz a sua estreia em Libertadores e vem para ser o azarão no grupo do Tricolor, que ainda conta com Racing (ARG) e Sporting Cristal (PER).

Às 21h desta quinta, o São Paulo encara o Rentistas, clube estreante na Copa Libertadores da América. O debute no torneio continental se deve ao ano de 2020 histórico para a pequena equipe de Montevidéu, com a conquista inédita do Apertura no Campeonato Uruguaio. Na primeira partida de sua história na Liberta, arrancou empate diante do Racing e mostrou que veio para surpreender na competição.

No Grupo E ao lado do São Paulo, os Bichos Colorados, como são conhecidos, se mostram o ‘patinho feio’ da chave, mas é justamente com este status de azarão que o Tricolor deve tomar cuidado. Confira a análise do Esporte News Mundo sobre como joga o Club Atlético Rentistas, do Uruguai!

ESTREANTE NA LIBERTADORES

Na estreia da Libertadores, empatou em 1 a 1 com o Racing. Foto: CONMEBOL

Em 2020, o Rentistas era recém promovido para a primeira divisão e surpreendeu no Campeonato Uruguaio. No torneio Apertura, equivalente ao primeiro turno, a equipe fez uma campanha de 15 jogos, sete vitórias, sete empates e apenas duas derrotas, colocando o ‘recém segundona’ na final.

Na decisão, venceu o poderoso Nacional e conquistou o título inédito do Apertura. O triunfo deu o direito a participação direta na decisão geral do Campeonato Uruguaio, feita após o término do Clausura (espécie de segundo turno).

O problema foi o péssimo desempenho do Rentistas no Clausura. Em 15 jogos, foi derrotado nove vezes, empatou quatro e venceu apenas duas. Ainda assim, o time foi à decisão geral do Uruguaio, outra vez contra o Nacional, mas não teve a mesma sorte: foi derrotado por 4 a 0 no placar agregado, ficando com o vice-campeonato. O resultado, porém, garantiu ao modesto clube uma vaga na fase de grupos da Libertadores de 2021.

COMO JOGA O RENTISTAS?

O time de Montevidéu tem à sua frente o jovem Martín Varini, treinador de 29 anos que comandou a equipe em apenas uma partida, justamente a de estreia na Libertadores contra o Racing. Por essa razão, o Rentistas ainda tem um elenco em construção, que irá jogar a segunda partida da temporada.

Varini assumiu na primeira semana de abril, na vaga do responsável pelo título do Apertura, Alejandro Capuccio, que foi para o Nacional – O atual treinador era auxiliar de Capuccio e foi bancado pela diretoria para a sequência nos Colorados.

Esquema tático do Rentistas, adversário do São Paulo na Libertadores.
O Rentistas atua no 4-4-1-1, com as duas linhas de quatro compactadas.

A equipe atua no esquema 4-4-1-1 e tem como característica principal os contra-ataques. É um time reativo, que espera ser atacado para contragolpear em velocidade. No ataque aposta em passes longos, buscando a individualidade e rapidez do trio de jogadores que fica mais à frente: Acosta, Peraza e Rodríguez.

Na defesa, busca compactar as duas linhas de quatro, oferecendo menor espaço para o rival trabalhar na intermediária central. Os dois jogadores mais avançados ficam responsáveis pelo primeiro combate e por fechar as opções de passe entre linhas. Sem a bola, os meias abertos atuam praticamente como laterais.

Diante do São Paulo, o Rentistas deve marcar em bloco baixo, dando espaço para os zagueiros do Tricolor trabalharem até o meio-campo e diminuindo a área de ação dos meias mais criativos, como Nestor e Benítez.

CAMINHOS PARA O SÃO PAULO

O Tricolor pode explorar dois pontos fracos da equipe uruguaia. O primeiro é o uso da laterais, pois, ao marcar a bola, o Rentistas tende a oferecer espaços no lado oposto, por isso, os alas de Crespo devem participar bastante da partida, caso sejam acionados em inversões rápidas.

O segundo ponto é a bola aérea. Os Colorados tem uma deficiência pelo alto, especialmente em bolas paradas. Os últimos cinco gols sofridos pela equipe foram de cabeça, quatro em cobranças de escanteio. Neste quesito, Arboleda, Bruno Alves e Miranda devem levar vantagem nas bolas paradas ofensivas.

DESTAQUES

SOLOMÓN RODRÍGUEZ

Rodríguez foi o autor do primeiro gol da história do Rentistas na Libertadores. Foto: CONMEBOL

O camisa 9 foi o autor do gol diante do Racing. Cria da base do Rentistas, é originalmente centroavante, mas pode sair da área e cair pelos lados. No ano passado fez 30 jogos, cinco gols e quatro assistências pelo clube no campeonato uruguaio.

FRANCO PÉREZ E ACOSTA

Franco Pérez e Agustín Acosta, meias dos Bichos Colorados
À esquerda Franco Pérez e à direita Agustín Acosta, meias abertos dos Bichos Colorados. Foto: Reprodução

Os dois meias abertos do elenco. Pela direita, Pérez, 19 anos, participa bastante da partida, especialmente na marcação, auxiliando o lateral do seu lado. Pela esquerda, Agustín Acosta, 20 anos, autor da assistência para o gol e que ajuda menos nos combates defensivos.

PERAZA

Peraza, reforço do Rentistas para a Libertadores 2021
Peraza chegou há pouco tempo no Rentistas e fez a sua estreia diante do Racing. Foto: CARentistas

Em tese, meia avançado do time uruguaio. Tem velocidade e drible como principais características. Peraza foi o reforço trazido para repor a saída do artilheiro e melhor jogador da equipe na temporada passada, Gonzalo Vega, autor de 15 gols no último Campeonato Uruguaio.

CUIDADO COM O AZARÃO

A exemplo do ano passado com o Binacional, o São Paulo deve ter cautela ao encarar o Rentistas, isso porque, a derrota para o azarão pode comprometer a campanha da equipe dentro do Grupo E.

O time uruguaio deve jogar por uma bola, se defendendo ao máximo para sair em contra-ataque. Segundo o próprio técnico da equipe uruguaia, o Rentistas deve ir ao Morumbi para conter o São Paulo:

“A ideia é contê-los no campo de defesa para evitar que nos pressionem e não termos que ficar só nos defendendo, tentar ter boas transições para tentar atacá-los e quando for possível, fazer a bola circular”

Martín Varini, TÉCNICO DO RENTISTAS, AO JORNAL URUGUAIO OVACIÓN

São Paulo e Rentistas se enfrentam amanhã (29), às 21h (horário de Brasília), no Estádio do Morumbi, pela segunda partida da fase de grupos da Libertadores 2021. Mais cedo, no mesmo dia, Racing e Sporting Cristal fazem o outro duelo do Grupo E.

Para saber tudo sobre o São Paulo e a Libertadores, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram!

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top