Cruzeiro

Luxemburgo diz ‘odiar perder’ e revela ‘sacrifício’ que elenco terá que fazer pelo Cruzeiro: ‘Vai ter que ter culhão’

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

O novo técnico do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo, chegou à Belo Horizonte e foi apresentado nesta quinta-feira (5), antes da viagem da delegação celeste para Santa Catarina para o duelo contra o Brusque no sábado (7). E, além de conceder entrevista coletiva, o treinador azul comandou o seu primeiro treino à frente do elenco cruzeirense e aproveitou para falar com o grupo sobre o que espera da Raposa e qual será o desafio estrelado daqui para frente na Série B. 

Isso porque, em mau momento na segunda divisão nacional, o Cruzeiro é o atual 18º colocado, com 13 pontos. Longe de alcançar o grupo dos quatro primeiros colocados na tabela de classificação, a Raposa está mais perto da Série C do que de alcançar o tão sonhado acesso à elite. Segundo Luxemburgo, trata-se de uma situação momentânea, a qual está longe de ser a realidade do Cruzeiro. “Então, eu sei para o que vim”, declarou Luxa aos seus novos comandados. 

— Eu não vim para o Cruzeiro jogar a segunda divisão, eu vim para o Cruzeiro grande, com uma camisa pesada para cara&%$, disputar uma segunda divisão que me é familiar. Eu fui campeão da segunda divisão, uma das minhas primeiras conquistas foi ser campeão brasileiro da segunda divisão com o Bragantino. Então, não é uma novidade para mim a segunda divisão. Mas, eu fiz com que a minha primeira passagem na segunda divisão me conduzisse a grandes conquistas na carreira. O início foi em uma segunda divisão. A sequência depende de cada um de nós. Se jogar achando que vai jogar só com a po$#% da técnica, bonitinho pra lá e para cá, não vai a lugar algum. Vai ter que ter culhão e determinação, porrada o tempo todo, dividida o tempo toda, sacrifício o tempo todo, saber o que que estamos fazendo aqui. Vai ter que trabalhar para cara&%$, sacrificar muito, se doar muito e se empenhar muito para conseguir o objetivo. Se não, não vamos conseguir, eu não faço mágica, eu trabalho com futebol. Os grandes responsáveis pelas conquistas são vocês. Nós da comissão técnica vamos passar experiência para vocês e assumir a responsabilidade, mas é vocês que vão realizar. Não é ninguém, é só vocês dentro do campo que vão poder realizar.

Veja também: Messi na Toca? Cruzeiro brinca com saída do craque argentino do Barcelona

Por fim, Vanderlei Luxemburgo destacou, mais uma vez, a fase momentânea do Cruzeiro e chamou a responsabilidade para si e para todo o elenco. Ele ainda declarou não gostar de perder e traçou um objetivo bem definido: a parte de cima da tabela. 

— E o Cruzeiro atual é momentâneo e cabe a nós resgatar o que sempre foi a vida do Cruzeiro. E eu não nasci para perder, eu nasci para ganhar. Perder me incomoda para cara&%$. Essa posição que está hoje para vocês, não sinta cobrança não, sinta que incomoda, porque ninguém nasceu para estar no Cruzeiro nessa posição. Então, incomoda e nós temos que sair dela bem rápido. O objetivo é a parte de cima da tabela e buscando alguma coisa bonita pela frente. Vai ser um prazer muito grande conviver com vocês. 

Essa é a terceira passagem de Luxemburgo pelo Cruzeiro. Ao todo, o treinador já comandou o time celeste em 126 partidas, sendo 74 vitórias, 25 empates e 27 derrotas, um aproveitamento de 58, 73%. Nesta nova era, sua caminhada tem início já neste sábado (7), às 11h, diante do Brusque, em Santa Catarina, no estádio Augusto Bauer, em jogo válido pela 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. 

Para saber tudo sobre o Cruzeiro, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top